8 personagens curiosos e esquecidos da mitologia grega

Facebooktwittergoogle_pluspinterest

Na mitologia existem muitos personagens incríveis e que são facilmente lembrados, seja por sua bravura, por um mito inesquecível ou por um feito.

Entretanto, existem outras figuras mitológicas que nem sempre são lembradas e é justamente sobre elas que vamos falar hoje: 8 personagens esquecidos da mitologia grega e algumas curiosidades sobre cada um deles.

Diomedes, o homem que feriu dois deuses

mitologia-grega-diomedesEsse personagem era o príncipe de Argos e um dos mais bravos heróis gregos da Guerra de Troia, perdendo apenas para Aquiles. Ele era filho de Tideu com Deipile, uma das filhas de Adrasto que era rei de Argos.

Diomedes era tão ousado que, em dado momento da famosa guerra, conseguiu lacerar Ares e Afrodite. Os deuses insatisfeitos foram reclamar com Zeus sobre sua audácia do herói.

Uma curiosidade sobre essa figura mitológica é que ele foi um dos pretendentes de Helena de Troia. Além disso, ele também era visto sempre com Odisseu, seu companheiro no mito em que matam o espião troiano Dolon.

Pluto, quem o encontra fica rico

mitologia-grega-pluto

Também chamado de Eniato, esse personagem da mitologia grega era um dos filhos de Deméter, deusa da agricultura, juntamente com Iason, também chamado de Jasio.

Algo que pouca gente sabe é que Pluto era o deus da riqueza e foi concebido em Creta.

Pluto também era considerado um personagem muito caridoso e capaz de viajar sobre a terra e o mar. O interessante é que, segundo a mitologia grega, quem o encontra se torna extremamente rico.

Um de seus mitos conta que ele queria distribuir riqueza somente para pessoas boas e foi por isso que Zeus o deixou cego, para que não pudesse mais distinguir as pessoas boas das más.

Recomendamos a leitura: 16 Curiosidades surpreendentes sobre Deméter

Pélops, rei do Peloponeso

mitologia-grega-pelops9

Esse personagem da mitologia grega era filho de Tântalo e Dione e tinha Níobe como sua irmã.

Dione, por sua vez, era filha de Atlas, o famoso titã conhecido por pelo castigo recebido de Zeus no qual tinha que suportar o peso do céu nos ombros. Já Tântalo era filho de Zeus com Plota, logo, Pélops era neto do deus dos deuses.

Uma curiosidade sobre esse personagem é que ele foi esquartejado pelo próprio pai e oferecido aos deuses em troca de favores.

Deméter, que estava deprimida no momento, foi a única a aceitar a oferta e comeu o ombro de Pélops.

Os outros deuses, repudiando a atitude de Tântalo e trouxeram Pélops de volta à vida, ainda mais belo e mais forte. No seu ombro foi colocada uma réplica feita de marfim por Hefesto, deus dos artesãos.

Pélops tornou-se um grande guerreiro e dominou a península sul da Grécia, onde posteriormente ficou conhecida como Peloponeso.

Leia tudo sobre Pélops em: Pélops ombro de marfim.

Hipólita, a rainha das amazonas

mitologia-grega-hipolita

Pouco lembrada na mitologia grega, Hipólita é a rainha das amazonas, que nada mais era do que uma antiga nação de mulheres guerreiras.

Essa personagem é filha de Ares com a rainha Otrera. Dessa união ainda nasceram mais três irmãs de Hipólita, que eram: Antíope, Melanipe e Pentesileia.

Uma curiosidade sobre Hipólita é que ela ficou conhecida por possuir um cinturão que era mágico. Esse cinturão é de grande importância e ganha visibilidade nos mitos sendo o nono dos 12 trabalhos de Hércules.

Uma outra curiosidade sobre as amazonas é que elas tiravam o seio direito, o que lhes proporcionavam atirar melhor com arco.

Recomendamos a leitura: 16 Curiosidades surpreendentes sobre Hércules

Melampus, o vidente que entendia os pássaros

mitologia-grega-melampus

Melampus, ou Melampo, era um personagem da mitologia grega filho de Idomeenia e Amitáon. Essa criatura esquecida da mitologia grega era adivinho e foi o primeiro a receber os poderes de realizar profecias.

A curiosidade sobre Melampus é que ele encontrou filhotes órfãos de cobras e resolveu criá-los.

Em uma noite ele foi acordado repentinamente com as cobras lambendo seus ouvidos. A partir de então, Melampus passou a entender a língua dos pássaros e insetos.

Ele também foi um dos primeiros a praticar a medicina, dominando a arte da cura através de remédios secretos e purificações.

Proteu, a criatura que previa o futuro

mitologia-grega-proteu

Proteu é uma divindade marinha da mitologia grega que é filho dos titãs Oceano e Tétis.

Embora seja um personagem um tanto esquecido da mitologia grega, ele é bastante reconhecido como profeta, pois tinha o poder de prever os acontecimentos futuros.

Entretanto, Proteu não gostava de contar o que via e por isso ele fugia dos humanos, transformando-se em uma criatura marinha de aparência assustadora.

Segundo o mito, se o homem fosse corajoso o suficiente para enfrentar essa criatura, ele teria o direito de saber a verdade.

Leia mais sobre o titãs em: Titãs – Primeira Geração

Equidna, a mãe de todos os monstros

mitologia-grega-equidina9

Essa personagem da mitologia grega possuía a parte superior do corpo de uma mulher e a parte inferior de uma serpente.

Uma curiosidade é que ela era gigante como um titã e, por isso, foi a única criatura capaz de se unir com o terrível Tifão, tornando-se a mãe dos mais terríveis monstros da mitologia grega.

Seus filhos mais famosos são: Quimera, Hidra de Lerna, Leão de Neméia, Esfinge e Cérbero.

Conheça todos os filhos de Equidna aqui!

A sua origem, entretanto, é um pouco incerta e a versão de Hesíodo afirma que ela era filha de Ceto e Forcis, logo, neta dos deuses primordiais Gaia e Ponto.

Circe, a feiticeira dos animais

mitologia-grega-circe

Essa personagem era especialista em poções e venenos, ligada à feitiçaria, tal como sua mãe Hécate. Morava em um castelo repleto de animais, que na verdade eram suas vítimas humanas enfeitiçadas.

Ela também era tida como a deusa da noite, da lua nova, dos encantamentos, das vinganças, da magia negra e das maldições.

Circe teve uma importante participação na Odisséia, quando tentou transformar Ulisses em um porco quando ele chegou ao seu castelo, assim como ela fez com seus marinheiros.

O feitiço não surtiu efeito, já que Ulisses estava sob encantamento de Hermes. Assim, o herói grego investiu conta Circe, que suplicou por sua vida.

Ulisses não a matou, com a condição de que ela revertesse o feitiço praticado contra seus marujos e desse hospitalidade a eles por algum período. Circe consentiu.

Curtiu? Não esqueça de compartilhar com seus amigos! share-facebook-200

Leia também

Comentários

comentários