Apolo ou Hélio, quem é o deus do sol?

Facebooktwittergoogle_pluspinterest

Esta é uma dúvida que muitas pessoas têm: afinal, quem é o deus do sol, Apolo ou Hélio? Por isso trouxe hoje a resposta definitiva para esta questão.

mitologia-grega-apolo-ou-helio
Mas para tirar a limpo, primeiramente vamos entender a etimologia de seus nomes, um dos principais motivos para tamanha confusão:

Hélio

Do grego Ἡλιος, em latin Helius, que significa nada menos do que Sol.

Hélio é um titã, filho dos também titãs Teia e Hiperião, irmão de Selene, a Lua e Eos, a Aurora. Sua representação é de uma figura masculina que em sua cabeça usa uma coroa de raios solares. Ele circunda o planeta sobre uma carruagem tracionada por quatro cavalos brancos. Contamos mais detalhes sobre Hélio, seus pais e suas irmãs aqui.

Apolo

Nome popular de Phoebus Apollo, do grego Ἀπόλλων, onde em latin phoibos significa Brilhante.

Apolo é um dos deuses do panteão grego, filho de Zeus e Leto e irmão gêmeo de Ártemis, também representação da Lua. É apresentado como um homem belo, geralmente segurando uma lira ou um arco e algumas vezes com uma coroa de raios solares na cabeça, também sobre uma carruagem puxada por cavalos. Também falamos mais sobre Apolo aqui.

Ainda parece um pouco confuso, pois eles têm muitas características semelhantes, sem contar que o Sol brilha, e brilha muito! Sem mais delongas, vamos às explicações definitivas, afinal…

Quem é o deus do sol, Apolo ou Hélio?

Se levarmos em consideração as fontes iniciais e mais confiáveis da mitologia grega, isto é, Homero e Hesíodo, Apolo é colocado como uma entidade representativa da arte, da música, da medicina, da saúde, etc. Ou seja, como os próprios Hinos Homéricos dizem, é o deus de tudo o que está ligado à “luz da vida“, entretanto esses poetas nunca vincularam a figura de Apolo ao Sol.

Já o titã Hélio, desde os primórdios, teve sua representatividade ligada ao Sol pelos mais antigos respeitados poetas da antiguidade grega. Isto é, ele era literalmente descrito como o astro solar em forma humana.

Há quem diga que com a supermacia dos deuses sobre os titãs após a Titanomaquia, Hélio perdeu seu posto para Apolo.

Mas o tempo passou e as coisas mudaram um pouco.

mitologia-grega-apolo-ou-helio3
Pausânias, célebre viajante e historiador grego da antiguidade, responsável por diversos importantes registros catalogados daquela cultura, pôde constatar que em algumas regiões as pessoas declaravam que Apolo e o Sol eram duas figuras idênticas.

Isso fez com que ele chegasse à conclusão de que os atributos de Apolo acima citados são facilmente explicados pelo nome Phoibos, afinal, o Sol é fonte de luz e de vida!

Píndaro dizia que Apolo propagava sua sabedoria e seu intelecto aos humanos, acertando-os com suas flechas de luz que representavam os raios do Sol.

O poeta Calímaco passou a reconhecer Apolo e Hélio como a mesma entidade e se isso não bastasse, ele ainda criticava quem fazia a distinção entre ambos.

Mas o marco foi a influência romana, que definiu Apolo como o representante do Sol.

O imperador romano Augusto o colocou como o protetor do Estado Romano identificado-o como Febo, a entidade que representa o Sol. A partir de então os cultos ao deus solar Febo passaram a ser também a Apolo, transformando-os em uma única divindade representativa da estrela maior.

Desta forma, o titã grego Hélio acabou sendo deixado de lado, substituído por Apolo em todos os seus mitos.

mitologia-grega-apolo-ou-helio4
Ovídio, por exemplo, na sua principal obra Metamorfoses, deixa claro que quando fala sobre Phoebus, está se referindo ao deus e não ao titã. Até nos mitos clássicos, como o do Carro do Sol e de Faetonte, Ovídio coloca Apolo no lugar de Hélio.

Muitos autores contemporâneos fizeram o mesmo. A exemplo de Thomas Bulfinch – que tem suas obras inspiradas na mitologia romana – no Livro de Ouro da Mitologia também põe Apolo como filho de Hiperião e pai da Helíades, o que soa até um pouco irônico, sendo que este nome deriva-se justamente de Hélio.

Mas ainda não ficou claro! Quem é o deus do sol?

Veredicto Final

mitologia-grega-apolo-ou-helio2
Quem sou eu, L.C Galahad, um mero mortal, para decidir quem é o deus do sol? O que posso é opinar quem eu considero o verdadeiro deus do sol, levando em conta a montagem de um quebra-cabeça histórico e um pouco de bom senso.

Primeiramente Hélio, apesar de ser um titã e considerado um deus primitivo, após a Titanomaquia sua raça tornou-se obsoleta, posto que Deuses Olímpicos tornaram-se supremos, isto é, os verdadeiros “donos” da mitologia grega.

Em contrapartida não posso tirar a referência de Hélio com o Sol, mas o considero a personificação dele. Ou seja, astro que nasce no Leste e põe-se no Oeste é Hélio passando com sua carruagem.

Imaginem se fosse Apolo quem pilotasse o carro. No mito em que ele matou os ciclopes que forjavam os raios de Zeus e foi banido do céu por um ano tendo que servir o Rei Admeto como um mortal, o mundo teria ficado um ano sem sol?

E em qual momento ele ficava no Olimpo tocando sua doce lira acompanhado das divinas Musas? Quando foi que ele perseguiu Dafne, se divertiu com Jacinto e participou da competição musical com ? Tudo isso no escuro?

Então aí está a minha resposta definitiva: Se estou falando de Deus do Sol, estou falando de Apolo, um deus olímpico propriamente dito, representante da arte, da música, da luz divina e da vida. Já o titã Hélio, como o nome já diz, é o próprio Sol.

Você concorda? Deixe nos comentários logo abaixo! E que tal compartilhar?share-facebook-200

L.C. Galahad é mitólogo há 23 anos, sendo a mitologia grega sua especialidade. Seu primeiro contato com o fascinante mundo das lendas gregas aconteceu quando ele tinha apenas quinze anos de idade. Com seus intensos estudos e dedicação tornou-se um profundo conhecedor do universo mitológico. E-mail: lcgalahad@mitologiagrega.net.br

Comentários

comentários