O rapto de Europa

Facebooktwittergoogle_pluspinterest
mitologia-europa

Zeus em forma de touro meteu-se pelo mar adentro e carregou Europa para Creta.

Agenor, filho de Poseidon, foi para a Fenícia e gerou a bela Europa e seus irmãos.

Zeus amou-a e apareceu-lhe em forma de um belo touro branco com grandes olhos azuis quando ela brincava com suas damas de companhia na praia.

Estas o engrinaldaram, e Europa, afoita, pôs-se a saltar sobre seu dorso e cavalgou-o.

Depois, o touro meteu-se pelo mar adentro e carregou-a para Creta; ali, assumindo a forma de um homem.

Tiveram dois filhos, Minos, que futuramentne tornou-se rei de Creta, e Radamante.

Ela ensinou-os a saltar sobre o touro, como saltara sobre Zeus, e esse passou a ser um rito sagrado entre os cretenses.

Hefesto fez um homem de bronze para guardar a ilha, instalando um pus divino em sua veia e fechando-a com um prego. Chamava-se Talo. O gigante dava três voltas diárias em torno de Creta. Quando ali desembarcavam forasteiros, agarrava-os e destruía-os com  seu abraço de fogo.

Radamante morreu e Zeus levou-o para as Ilhas dos Bem-aventurados; mais tarde, deu-lhe Alcmena como esposa, que Hermes roubou do  próprio esquife por ocasião da sua morte.

Ali, com seus irmãos Minos e Éaco (filho de Zeus com a ninfa Égina), os mais justos de todos os homens, Radamante julgava os mortos e lhes concedia a recompensa a que faziam juz pelos seus feitos sobre a terra.

 share-facebook-200

Leia também

Comentários

comentários