Titãs da Mitologia Grega – Primeira Geração

Facebooktwittergoogle_pluspinterest

Segundo os gregos antigos, os Titãs da Mitologia Grega eram deuses que nasceram no princípio dos tempos como descendentes de Urano, que era o Céu e Gaia que era a Terra.

mitologia-grega-titas-ceos

Ceos, o titã da inteligência.

Os Titãs, então, são os ancestrais dos que vieram a ser os Deuses do Olimpo, tais como Zeus, Apolo, Afrodite e etc. e também dos mortais.

Entretanto, vale lembrar que a terminologia Titãs, serve apenas para as figuras másculas, pois quando queremos nos referir a uma figura feminina devemos dizer titânde.

A primeira geração dos Titãs da Mitologia Grega traz 12 seres híbridos, ou seja, nenhum era completamente humano e eles ainda conseguiam se transformar em animais.

O surgimento dos Titãs também está narrado no clássico Teogonia, de Hesíodo, que viveu durante o séc. 7 a.C.. Essa obra juntamente com outros textos ajuda a narrar a história dos Titãs da Mitologia Grega.

A história dos Titãs da Mitologia Grega

A história dos Titãs conta que eles eram filhos de Gaia com Urano e eram formados por seis homens e seis mulheres. Esses 12 Titãs da primeira geração foram os que governaram o universo logo após Urano e logo antes de Zeus.

De acordo com a mitologia grega, Urano era extremamente ciumento, o que fez com que Gaia se cansasse dele. Foi então que Gaia pediu aos doze filhos que fizessem algo.

Dentre os doze, o único que teve coragem de enfrentar o pai foi Cronos, o titã do tempo, que derrotou Urano e governou o mundo durante a Idade de Ouro.

O fato é que essa história é uma metáfora para a separação entre o céu e a terra que permitiu que existisse a vida.

Agora que você já sabe um pouco mais a história dos Titãs, veja seus nomes e conheça um pouco mais sobre eles: 

mitologia-grega-titas-cronos

Cronos, o titã do tempo.

Os nomes dos Titãs da Mitologia Grega – Primeira geração

Ceos

Esse era o titã da inteligência. Ele tem papel fundamental na constituição da árvore genealógica de deuses gregos pois era o avô de Apolo, que era deus das profecias e da música, e de Ártemis, que era deusa da caça.

Oceano

Esse era o titã mais velho e representava o rio que corre ao redor da Terra, que até então era considerada plana, e que delimita suas fronteiras.

Oceano foi o titã que deu origem a todas as fontes de água do planeta.

Crio

Esse é o segundo dos Titãs e representa o inverno, o frio e as manadas. Ele não tem grande destaque a mitologia mas textos revelam que ele se casou com sua meia-irmã Euríbia.

Hipérion

Esse era o titã do fogo astral e da visão e tinha identificação com as forças do sol.

Jápeto

Esse é um titã importante para a mitologia pois teve filhos importantes para a história, tal como Atlas e Prometeu. Atlas foi o personagem que enfrentou Zeus e, por ter perdido, recebeu a missão de carregar o mundo nas costas.

Cronos

É o mais novo dos Titãs e destronou seu pai, Urano, para governar o mundo.

mitologia-grega-titas-temis

Têmis, a titânide da justiça.

Os nomes das Titânides da mitologia grega – Primeira geração

Febe

Essa titânide se juntou ao irmão Ceos, teve uma filha que chaou de Leto e era a deusa da lua, conhecida como luminosa.

Sua filha foi um dos amores que teve Zeus e gerou Apolo e Ártemis.

Tetis

Deusa da fertilidade e da capacidade de fecundação das águas. Tetis, juntamente com seu irmão, Oceano, tiveram milhares de filhos.

Mnemósine

Essa é a deusa da memória e foi uma das titânides com quem Zeus escolheu procriar. Da união dos dois nasceram as nove musas que eram deusas das artes tais como dança, música e etc.

Têmis

Sabedoria e justiça era o que representava Têmis que foi a segunda das esposas de Zeus. Segundo certos textos mitológicos, Têmis foi quem inventou os rituais de religião e o oráculo.

Téia

Essa titânide é representante da luz e do sol e se uniu ao irmão com quem teve três filhos. Os filhos dessa união são: Selene, a lua, Hélio, o sol e Éos, a aurora.

mitologia-grega-titas-mnemosine

Mnemósine, a titânide da memória

Reia

Mulher e irmã de Cronos, essa titânide enganou o seu marido para que ele não engolisse o seu filho, Zeus. Assim, no nascimento de Zeus Réia deu uma pedra para que Cronos engolisse.

Réia também é a mãe de Poseidon, que é o deus do mar e de Hades, que o deus do mundo inferior.

Para finalizar, vale lembrar que de acordo com a Titanomaquia da mitologia grega, a guerra entre Titãs e os Deuses do Olimpo, aconteceu quando Zeus, que havia crescido longe do pai, retornou e quis tomar o poder.

A guerra durou dez anos e o vencedor foi Zeus que, com isso, conseguiu resgatar os irmãos.

Essa é a história dos Titãs da Mitologia Grega. Se gostou compartilha!  share-facebook-200

Leia também

Comentários

comentários

Open